Ferramentas digitais ajudam a ampliar vendas

Grupo Arezzo&Co utiliza o Cielo Super Link para aumentar a receita

Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Ferramentas digitais ajudam a ampliar vendas

Grupo Arezzo&Co utiliza o Cielo Super Link para aumentar a receita

Com o avanço da tecnologia, utilizar ferramentas digitais para melhorar a performance do negócio e, ao mesmo tempo, oferecer mais comodidade para os clientes é obrigatório para qualquer empresa. O grupo Arezzo&Co, detentor das marcas Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever e Alme, sabe bem disso. Tanto que, desde o começo deste ano, utiliza o Cielo Super Link. Trata-se de uma ferramenta de venda que permite o envio de cobranças on-line por e-mail, ­WhatsApp ou qualquer rede social, sem a necessidade de ter um site, e ainda com a possibilidade de parcelamento e personalização. “Com essa solução, conseguimos transformar a loja física em um e-commerce. Antes dela, se a consumidora entrava em contato com uma de nossas unidades atrás de um produto, para efetuar a compra ela tinha de ir até o local ou passar os dados do seu cartão. Só que nem todo mundo gosta de compartilhar esse tipo de informação”, analisa o diretor- executivo de Transformação Digital da companhia Mauricio Bastos. “Agora, com o Cielo Super Link basta mandar a cobrança digitalmente e está tudo resolvido. É mais segurança e comodidade para a compradora e mais uma frente de geração de negócios para a loja, fazendo com que ela aja não apenas de maneira passiva-receptiva, mas também de maneira proativa. E os resultados têm sido ótimos. Alguns pontos chegam a ter 10% da receita sendo efetivada a partir dessa venda não presencial”, acrescenta o executivo. Checkout móvel E para digitalizar ainda mais suas unidades, o grupo Arezzo&Co tem trabalhado junto com a Cielo no desenvolvimento de uma solução 2.0 para checkout móvel. Bastos pontua que um dos principais pontos de fricção das lojas físicas é a demora para efetuar o pagamento no caixa, sobretudo em datas festivas, quando o movimento aumenta. “Tem gente que desiste da compra, vai embora. O que oferecemos ao lojista é a opção da utilização da Cielo LIO junto com uma ferramenta mais robusta com várias funcionalidades, com o pagamento podendo ser feito com mais agilidade, pelas próprias vendedoras, e a possibilidade de a consumidora comprar um produto na loja e outro por meio do nosso catálogo on-line e fazer um único pagamento”, finaliza. A novidade deverá ser lançada em outubro e implementada aos poucos nas lojas da companhia.