Terceira idade: o tempo onde os sonhos também são realizáveis

Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Terceira idade: o tempo onde os sonhos também são realizáveis

Por Adriana Lima *   Aquela velha história do “meu tempo já passou” ou “não tenho mais idade para essas coisas” não existe mais em 2021. A expectativa de vida do brasileiro, atualmente, é 75 anos e o padrão é viver ainda mais, então, não há motivos para não acreditar que o momento perfeito é agora. O cumprimento de metas e objetivos estimula as atividades cerebrais, que tendem a começar a ficar mais comprometidas na terceira idade. Sendo assim, o que eu posso dizer é que ter sonhos faz bem – e muito – à saúde. É comum o assunto com pessoas mais idosas pender para os tempos em que a juventude reinava e a possibilidade de fazer qualquer coisa era palpável. Hoje já conseguimos ver que, a cada ano que passa, e com as pessoas vivendo muito mais – e mais saudáveis –, a tão cobiçada juventude não passa de um mero estado de espírito. Para alcançar seus objetivos, com toda a tecnologia e segurança, basta vontade e organização. E não, nunca é tarde demais para fazer nada na vida. Se seu vovô ou sua vovó tem uma meta – seja ela uma viagem, um sonho profissional, uma realização acadêmica ou até mesmo um investimento em algum projeto – não cortem as asas deles, pelo contrário, os incentivem a tentar. Muitos idosos acabam entrando em depressão ou se sentindo “sem sentido” depois que atingem um certo patamar da vida. Ter sonhos e ser capaz de realizá-los é um grande estímulo para a qualidade de vida dessas pessoas, que, por muitas vezes, encontram razão na vida novamente dentro dessas novas conquistas. O fato – importantíssimo – de se ter uma motivação para viver, além da prática de atividades agradáveis e uma alimentação majoritariamente saudável, é muito importante para uma velhice saudável. Para ajudar o idoso nesse encontro de objetivos, é muito interessante se fazer uma pequena viagem na história de vida daquela pessoa e encontrar algo que já foi motivo de satisfação e alegria no passado dela. Por exemplo: qual foi a época mais feliz da sua vida? É importante achar esses momentos na linha do tempo. Nunca é tarde para viver o melhor momento da vida. Então, por que não pensar no amanhã hoje?