Como cultivar o bem-estar para o equilíbrio emocional

Os desafios da vida contemporânea nos acarretam inúmeras fontes de tensão

Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Como cultivar o bem-estar para o equilíbrio emocional

Os desafios da vida contemporânea nos acarretam inúmeras fontes de tensão. Cada vez mais cedo, nossas crianças e adolescentes estão submetidos a pressões e cobranças excessivas para cumprir uma série de compromissos e exigências, em nome de garantir sucesso no futuro. Mas será que estamos conseguindo criar adultos emocionalmente capazes e felizes?
O mundo acadêmico e o mercado de trabalho estão cada vez mais competitivos e exigentes, o que tem comprometido a nossa saúde emocional e física. A maior parte dos motivos de estresse nos dias de hoje é causada por nossos processos mentais. Vivemos num estado frequente de preocupações, com medo do fracasso e de não cumprir as expectativas.
A ansiedade é uma resposta natural aos eventos estressantes que estamos sujeitos em nossas vidas. O que irá torná-la patológica é a sua frequência e a sua intensidade. As pessoas respondem ao estresse de maneiras diferentes, algumas lidam melhor com a pressão excessiva, enquanto outras são mais vulneráveis.
Precisamos estar atentos ao que está acontecendo na vida de nossas crianças e adolescentes. Quando os problemas surgem, não devemos esperar que o tempo se encarregue de consertar as coisas. Procure apoiá-los e ser um aliado. Não ignore seus sentimentos, esteja sensível às possíveis dificuldades em sua vida acadêmica, social e familiar. Ajude-os a superar as experiências difíceis, ampliando sua compreensão do mundo e encontrando um método mais eficaz de processar emoções.
Se desejamos uma vida em que as pessoas se sintam mais realizadas e sejam emocionalmente capazes, precisamos desenvolver uma aprendizagem mais cooperativa e empática, que priorize o autoconhecimento e que ensine estratégias de autorregularão. Devemos nos preparar para um futuro que exigirá novas habilidades, uma maior adaptabilidade, intercomunicação e colaboração.
A educação deve valorizar o trabalho em equipe, a honestidade, a generosidade, o respeito às diferenças e o fortalecimento das relações. Conquistamos uma vida mais plena de significado quando temos consciência de nosso autovalor, nos sentimos capazes de superar os obstáculos para concluir as atividades e conquistar objetivos.
Somos mais bem-sucedidos quando conseguimos encontrar no trabalho uma fonte de realização e crescimento pessoal, podendo utilizar nossos talentos para contribuir com o bem comum e com o desenvolvimento da sociedade.