Notícias

Uma estrela com jeitinho mineiro

na Categoria Gastronomia

Em meio a um dos melhores momentos de sua carreira musical, Paula Fernandes revela à Revista Divino Fogão que gosta mesmo é de comida caseira

 

dvdPaula Fernandes é hoje a principal estrela feminina da música sertaneja no Brasil. Seus discos já venderam mais de três milhões de cópias e seu repertório musical é repleto de canções que passam pela MPB, pop, sertanejo de raiz, country music e world music. A talentosa cantora também é compositora, violonista e arranjadora. Em sua carreira, gravou sete CDs, dois DVDs e um LP.

Por aqui, já cantou ao lado das duplas sertanejas Chitãozinho & Xororó e Zezé Di Camargo & Luciano e de artistas renomados como Roberta Miranda, Sérgio Reis e Zé Ramalho, além do rei Roberto Carlos.

Sua carreira internacional já passou pelos Estados Unidos, Europa e África, e ela coleciona parcerias com expoentes da country music americana como Shania Twain e Taylor Swift, e estrelas internacionais como Alejandro Sanz, Michael Bolton, Placido Domingo e Frank Sinatra. Com Sinatra, ela mixou os vocais com a canção original “Brazil”, de 1958, para as comemorações da Copa do Mundo de 2014, realizada no Brasil.

Apesar de todo esse sucesso em tão pouco tempo de carreira, Paula é, na verdade, tímida e sensível. De jeitinho mineiro, nasceu há 30 anos no município mineiro de Sete Lagoas, a 70 km de Belo Horizonte. Em conversa com a Revista Divino Fogão, ela conta que gosta de coisas simples, como as comidas de fazenda de seu estado.

“Meu prato favorito é frango caipira com angu e quiabo. Sou fã de comida mineira, mas, no dia a dia, procuro comer pratos mais leves, com carnes magras, além de verduras e legumes. Frutas também não podem faltar no meu cardápio”, diz.

Com agenda lotada de shows por todo o País durante a maior parte do ano, ela revela gostos simples, típicos de Minas Gerais. “Adoro queijo branco, pãozinho de queijo e doce de leite. Não nego as origens!”, ri.

Ela se mostra uma pessoa de hábitos familiares e que está sempre cercada de pessoas próximas. “Sempre que tenho um tempo livre na agenda, procuro ficar com meus amigos, família e namorado [o dentista Henrique Valle] e, às vezes, me aventuro na cozinha”.

Quando está em casa, descansando das turnês e da agenda compromissada, Paula tem o costume de cozinhar. “Adoro fazer tapioca com queijo”, diz. “Gosto bastante de ir para a cozinha de casa. Faço de tudo um pouco, mas tenho pouco tempo para cozinhar, por conta dessa agenda corrida de compromissos profissionais”.

A principal influência de seus costumes culinários vem de família. “Minha mãe, com certeza! Adoro comer as comidas que ela prepara, e amo a farofa que ela costuma fazer no Natal, com uvas passas”. E é fã de doces. “Eu adoro um docinho e chocolate é uma das minhas perdições! Bolos, tortas e mousses de chocolate são uma delícia”, diz.

Paula cresceu no ambiente da fazenda, onde a comida leva arroz, feijão, carne de porco e farofa. Ela diz que não se separou desses costumes, mas que a carreira exige que ela tome algumas precauções. “Com certeza, adoro vários pratos dessa culinária [típica de fazenda]. Eu me permito comer de tudo, mas sem exageros”, afirma.

Dona de um corpo perfeito, de 1,63m de altura, ela já foi considerada a 16ª mulher mais sexy do mundo pelo público de uma revista masculina brasileira. Sobre seus cuidados com a forma, ela conta que tem uma alimentação balanceada, para manter o preparo e não perder o pique.

“Sim, tenho alguns cuidados com a alimentação. Procuro comer bastante salada, carnes magras, como peixe e frango, tomar muita água para hidratar e não ficar muito tempo sem comer”, diz.

E também faz exercícios físicos. “Além disso, gosto de fazer caminhadas e musculação. Costumo fazer exercícios todos os dias, mas às vezes, com a correria dos shows, não consigo manter esse ritmo, mas não descuido, não!”.

Entre as viagens que fez pelo mundo, gostou muito da que esteve na África, em países como Cabo Verde e Angola. “Provei alguns pratos da culinária local e achei tudo foi muito saboroso. Gostei muito da recepção que recebi do público também. Foi incrível! Eles sabiam cantar todas as minhas músicas e eu me emocionei bastante”, lembra.

 

Carreira musical

 

Paula Fernandes começou a cantar aos oito anos e lançou seu primeiro álbum de forma independente aos dez, em disco de vinil, chamado “Paula Fernandes”. Aos 12 anos, mudou-se com a família de Sete Lagoas para São Paulo, onde foi contratada por uma equipe de rodeios, com a qual trabalhou cinco anos, viajando como cantora.

Na mesma época, na carona do sucesso da novela Ana Raio e Zé Trovão, exibida pela extinta Rede Manchete, em 1991, lançou o segundo álbum, “Ana Rayo”, com repertório inspirado no cancioneiro popular de raiz.

Aos 22 anos, Paula foi apresentada ao diretor de televisão da TV Globo Jayme Monjardim pelo produtor musical Marcus Viana. O contato resultou na gravação da música “Ave Maria Natureza”, tema da novela “América”, de 2005. Hoje, a cantora tem 11 músicas como trilhas sonoras de novelas e duas músicas em filmes.

No ano de 2008, foi contratada pela gravadora Universal Music, pela qual lançou o CD “Pássaro de Fogo”, com destaques para as músicas “Meu Eu em Você” e uma outra, homônima ao disco.

Em 2010, realizou seu grande sonho ao gravar o primeiro DVD de sua carreira, em São Paulo, com participações de Leonardo, Almir Sater, a dupla Vitor & Leo e Marcus Viana. “Paula Fernandes Ao Vivo” vendeu mais de 1,7 milhão de cópias, consagrando a artista no cenário musical brasileiro.

No dia 25 de dezembro de 2010, Paula cantou para 700 mil pessoas, participando do especial de fim de ano de Roberto Carlos, transmitido ao vivo pela TV Globo, direto da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Em 2012, lançou seu sexto CD, “Meus Encantos”, que, em menos de uma semana, vendeu 250 mil cópias. Em maio de 2013, durante a passagem de sua turnê pelo continente africano, Paula Fernandes destinou parte da arrecadação das apresentações a ações sociais em Angola e Cabo Verde.

No Brasil, a cantora ajuda a manter uma ONG localizada na sua cidade natal, que usa a terapia com cavalos – conhecida como equoterapia – para auxiliar pessoas com deficiência.

Em 2014, lançou a turnê “Paula Fernandes – Um Ser Amor”, que foi totalmente dirigido por ela e por sua empresa, a “Cheiro de Mato”.  “Este meu momento de carreira pedia um DVD com um show mais elaborado, onde eu pudesse mostrar a minha verdade aos fãs. Acho que eles ficaram felizes e, para mim, foi uma realização! Agora, peço a Deus para abençoar esse meu ‘filho’ que vai percorrer o mundo”, afirma.

Além disso, a artista faz muito sucesso em Portugal, onde já conquistou disco de platina (mais de 100 mil cópias) pela vendagem do trabalho ao vivo e disco de ouro pelo disco “Meus Encantos”. Foi vencedora do prêmio do canal de TV a cabo Multishow na categoria melhor show, nos anos 2012 e 2013. Em 2015, ela concorre ao Grammy Latino de “Melhor Álbum de Música Sertaneja”, com “Multishow Ao Vivo – Um Ser Amor”, e de “Melhor Música Brasileira”, com a canção “Um Ser Amor”. Segundo sua assessoria, Paula leva cerca de cinco milhões de pessoas aos seus shows por ano.

 

Matéria publicada na edição n° 15 da Revista Divino Fogão.

Recommended Posts

Deixe um comentário