Notícias

Stefanini cresce 7,5% e registra faturamento de R$ 2,8 bilhões

na Categoria Economia, Eventos, Serviços, Tecnologia
Balanço foi divulgado durante evento da empresa realizado na última sexta-feira, que também abordou as expectativas de resultados e de novas aquisições em 2018

04/12/2017 – A provedora global de soluções de negócios baseadas em tecnologia Stefanini encerra este ano com um crescimento global de 7,5% em relação ao ano passado, atingindo um faturamento de R$ 2,8 bilhões. A região que mais cresceu foi Latam (países de língua espanhola), com índice de 30%, seguida da Europa, Brasil e Estados Unidos. Os resultados financeiros do ano e as expectativas para 2018 foram destacados durante o evento de final de ano da empresa realizado no seu Centro de Inovação, em São Paulo, na última sexta-feira (1º).

Para o fundador e CEO global da Stefanini, Marco Stefanini, mesmo com a economia dando sinais de retomada, o mercado de TI enfrenta dois grandes desafios no País: superar a crise e concretizar o projeto de transformação digital. “Companhias como a nossa precisam consolidar um novo modelo baseado no ecossistema de inovação para continuar se destacando globalmente. Os próximos dois anos serão decisivos para a transformação digital das corporações. A Stefanini está investindo fortemente em ofertas que poderão auxiliar os nossos clientes nesta transição”, declara o executivo. A empresa prevê novas aquisições no Brasil e no exterior afim de cumprir sua meta de crescimento programado para os próximos cinco anos. “Continuamos monitorando oportunidades que possam complementar o nosso portfólio e, consequentemente, o nosso ecossistema de inovação”, completa.

No encontro, também foi anunciado o desenvolvimento de um projeto de inteligência cognitiva para a Caixa Econômica Federal. Batizada de Sophie, a solução beneficiará 150 mil funcionários e prestadores de serviços. “Com alto nível de complexidade e integração, podemos considerar este o maior projeto de atendimento cognitivo já realizado no Brasil”, diz o diretor de P&D da Stefanini, Alexandre Winetzki. Além disso, a multinacional está investindo na Revolução Ágil Stefanini, com o objetivo de auxiliar seus clientes a disseminar a cultura de desenvolvimento e gestão em seus projetos. “Nosso principal objetivo é reduzir o tempo do lançamento do produto/serviço no mercado. A Stefanini conta com mais de 10.000 desenvolvedores espalhados em 40 países, altamente capacitados e preparados para prestar um serviço de qualidade voltado ao desenvolvimento de sistemas utilizando modelos ágeis”, destaca a CEO da Stefanini Brasil, Monica Herrero.

O CEO global da Stefanini, Marco Stefanini, durante divulgação dos resultados do ano em evento na última sexta-feira
"Os próximos dois anos serão decisivos para a transformação digital das corporações. A Stefanini está investindo fortemente em ofertas que poderão auxiliar os nossos clientes nesta transição”, declara Marco Stefanini
Evento de final de ano foi realizado no Centro de Inovação da empresa na última sexta-feira (1º), em São Paulo
No encontro, também foram abordadas as expectativas de resultados e de novas aquisições em 2018
Recommended Posts

Deixe um comentário