Notícias

Pesquisa – ABF divulga estudo inédito sobre inovação no setor – ABF News

na Categoria ABF News, Economia, Franchising, Varejo

Publicada no ABF News nº 61 (página 12)

ABF divulga estudo inédito sobre inovação no setor

            Análise foi conduzida em parceria com Fundação Dom Cabral (FDC) e Confederação Nacional dos Serviços (CNS)

A 1ª Pesquisa de Inovação nas Franquias Brasileiras, desenvolvida pela Fundação Dom Cabral (FDC) e Confederação Nacional dos Serviços (CNS) identificou que 91,8% das redes investiram em atividades inovadoras.

Metade das redes participantes (50,7%) afirma que ampliaram sua participação no mercado com as ações inovadoras e 43,1% chegaram a aumentar a rentabilidade. “Nos mais diversos segmentos, constatamos iniciativas que levaram à inovação, seja em novos modelos de negócios, no e-commerce, no uso de novas tecnologias, como no caso da realidade virtual, da internet das coisas etc.”, observa o presidente da ABF, Altino Cristofoletti Junior.

O presidente da CNS, Luigi Nese, observa que o franchising é um dos últimos setores a entrar em crise e o primeiro a sair, justamente pela capacidade de inovação constante, inerente ao modelo de negócio. “São empresas que franqueiam produtos e serviços de alta qualidade, custos relativamente baixos e essenciais às famílias e empresas do País. Assim, pesquisar como se deu o processo de inovação nas franquias e quais foram os resultados obtidos por elas nos últimos anos é fundamental para pensarmos o futuro e para desenvolver nossas bases tecnológicas de forma mais ampla e rápida”, afirma.

Resultados positivos

Na visão do assessor econômico da Fundação Dom Cabral, Fernando Garcia de Freitas, o principal resultado que a inovação precisa trazer é o econômico, pois isso gera a sustentabilidade para o processo, e o franchising conseguiu isso. “Mesmo com a crise, as franquias se mostraram dispostas a investir”, comenta.

A pesquisa identificou que as franquias de serviços são as que mais possuem pessoas responsáveis pela inovação, com 53,2%. No entanto, no geral, as franquias ainda não possuem estrutura para inovar, o que torna as ações ainda mais significativas. “A vantagem do franchising é a figura do franqueado que ouve a solicitação do consumidor e traz para dentro da rede”, observa.

Freitas comenta que os principais investimentos em tecnologia seguiram a ordem da redução de custos. As franquias ainda não apostam fortemente em ferramentas de gestão, coleta de dados ou atendimento, mas o armazenamento na nuvem e cloud computing saíram à frente justamente para redução de gastos com arquivos físicos.

 

Publicada no ABF News nº 61 (página 12)

Recommended Posts

Deixe um comentário